RSSTwitter

sexta-feira, 27 de março de 2015


Looks do Prêmio 'Geração Glamour'

O nome do prêmio era bem audacioso: 'Geração Glamour',  mas o que se viu na tal premiação, realizada na noite de ontem, em São Paulo, bem que poderia mudar de nome e a tal da revista Glamour, que é a realizadora do mesmo, rebatizá-lo de 'Geração Exú'...

Bem, comecemos com a cantora Anitta, uma das vencedoras da noite, para você catar o caos... Até que não achei que o o modelito estava ruim, sabe? Só impliquei com esses brincos de árvore de natal.


Tatá Werneck em mais um vestido preto rendado e com o cabelo de sempre solto. Que preguiça dessa racha, hein?

Alguém me explica esse look de garçom do futuro de Alinne Rosa?

Nos anos 90 o livro de figuras em 3D "Olho Mágico" era uma febre babadeira! A gente olhava para um certo ponto de quaisquer das figuras estampadas no tal livro por um determinado tempo e depois afastava lentamente o mesmo, daí então aparecia uma nova figura, tipo uma ilusão de ótica, saca? Eu confesso que ficava vesgo olhando 'saporra' e nunca consegui foi ver 'caraleo' nenhum! 
 
E acho que teve gente na festa que tentou fazer o mesmo quando catou a estampa do vestido de Tania Kalill e ficou igual a mim naquela época...

'Menos é mais' nunca é demais lembrar, querida Valesca! Tu já tem uns peitãos, então qualquer decote, por mínimo que seja, já dá aquilo que tu necessita. Não precisa exagerar, né miga? Beijos sabor grapefruit.


Mirella Santos exagerou no hi-lo, né? A mona ornou rendas com sacos de lixo amassados?


O que me surpreende não é o fato de Thammy Miranda ser tão baixinho, mas sim a caneta hidrográfica de cor uva que sua namorada passou nos beiços...

Thássia Naves de transparência com  bordados e pedrarias by Patrícia Bonaldi = sono...

Carol Celico estava 'tombalizante' nesse longo pomba-gira de gala! #AMEY

As mangas do modelito de Luíza Brunet fizeram com que a mona ficasse com os braços parecidos com os das merendeiras. Paolla Oliveira achou tendência.

Tô Bélgica que a Giovanna Lancellotti da da Távola Redonda catou as capas de almofada tudo! Esse sapato de tijolo, fia? Alguém empresta um tamanco decente pra ela, pelo amor de São Manolo?

Lulu Gimenez estava básica AND magra

Lala Rudge arriscou em algo diferente de rendas, transparências e afins, arrasando com a concorrência, pois estava linda!


Giovanna Ewbank em um vermelho assimétrico


Sabrina Sato em um longo sereia decotado nas costas. A apresentadora é outra que me dá sono. O motivo? Parece que Sabrina só se veste pensando em causar, sabe? Acho que quando o personal liga perguntando o que ela gostaria de usar, a Sabrina deve dizer: "Cata um modelito que o povo vai falar, não importa qual! Mas escolhe um que seja bem comentado!". 

 
Achei a Eliana Dedinhos bem"glamour" com esse longo azul by Trinitá

Polegares, polegares, onde estão?


Luiza Possi 



Agora eu pergunto para vocês: que adianta viver peidando batata doce e ovo cozido para ficar com um corpo sarado e sair de casa usando um vestido lixoso desses, hein? Alguém responde essa questão para dona Gabriela Pugliesi?


Manu Gavassi foi um exemplo de como usar rendas, transparências, sem ficar com aquele estilo "boring" usado pelas outras. Achei o look bem digno, travestchy! Chega batendo!


E para finalizar, essa coisa esquisita que Bruna Marquezine está usando é prova cabal que ela virou uma vítima da moda ou o jabá pago foi bem grande, hein? Porque, meu amor, isso aí tá um cocô!!!!! 


E PORRAqui encerro!!!! Beijas
 

Experiência sobre o racismo

Nesses dias, com a tal polêmica do beijo na novela “Babilônia”, as redes sociais se encheram de comentários a respeito de preconceito, com algumas pessoas afirmando que quem estava contra prestava um desserviço ao divulgar notícias de homofóbicos, que o povo GLBTS anda exagerando no julgamento, que estamos vivendo em uma ditadura gay onde não podemos 'brincar' e nem emitir opiniões, mesmo que essas sejam de cunho preconceituoso, etc.

E eu fiquei meio assim pensando: putz! Será mesmo que tem gente que acha que é deixando de lado a nojeira que é o preconceito que a coisa vai melhorar? Não, né? Precisamos mesmo é divulgar o quão idiota vem a ser esse tipo de coisa! Assim eu penso.



Um exemplo ridículo de preconceito, mas ainda bastante atuante na sociedade, independente da luta de décadas, é o racial. Cujas pessoas, de cima de seus mais altos degraus de imbecilidade, se acham superiores só por conta de tom de pele, demonstrando com isso que foi um desperdício terem nascido com a capacidade de raciocinar, já que fazem isso tão “porcamente”... Que me desculpem os porcos, vale acrescentar.

Mas bem, meu bem, o que quero mostrar aqui é esse interessante vídeo, feito na Lituânia, acerca de uma experiência em captar as reações de algumas pessoas ao ler um comentário racista no Facebook para um homem negro que finge não entender a língua com a qual foi escrita e pede para que elas o façam para ele.

Catem a reação dessas pessoas com o tamanho absurdo que leem e fiquem com um nó na garganta, tal qual eu fiquei com a esclarecedora campanha contra o preconceito racial.


Vídeo: YouTube 

 

quarta-feira, 25 de março de 2015


Polícia Fashion: Vestida de Doida

♫...Hoje eu pude ver

Tudo que é loucura e esquisitice acontecer 

Vejo você vim de lá

Vestida de doida...♫
Fotos: Reprodução/Daily Mail






Para quem não ligou o look à pessoa, essa é aquela cantora que faz tudo para aparecer e, mesmo assim, nunca aparece: a Rita Ora...



Têje presa, essa menina!


Fervo ungido

Em um mundo, digamos assim, utópico, já que a realidade é totalmente diferente, a religião serviria para as pessoas espalharem boas energias, amor, compreensão e ser muito feliz. Mas é uma pena que, ao invés disso, só encontremos intolerância, discurso de ódio e julgamentos de todos os lados. 

O vídeo abaixo, por exemplo, foi compartilhado nas redes sociais de forma jocosa e eu ri muito, não vou mentir. Mas depois fiquei refletindo que o nosso momentinho de fé bem que deveria ser sempre assim, cheio de alegria e diversão, né não, irmão?


Vídeo: YouTube



O Look sensual de Bruna Marquezine

Nem faz tanto tempo assim que o desejo das meninas entre 13 e até uns 20 anos, era se vestir parecido como as ricas e estilosas meninas do seriado Gossip Girl. Meninas essas que usavam roupas lindas e femininas das grifes badaladas, mas super de acordo com a idade de seus personagens, sem querer parecer mais velhas. Porém, o que dá para notar, hoje em dia, é que as meninas da citada faixa etária estão usando o exemplo de Kim Kardashian para se vestir! 

Explicando melhor, ontem postei na nossa fanpage umas fotos da atriz Bruna Marquezine no lançamento da coleção outono/inverno na Bo.Bô, que aconteceu na loja da marca na Oscar Freire, em São Paulo, e achei que a menina, que tem 19 anos de idade, estava vestida com uma roupa madura demais, o que ocasionou comentário concordantes e discordantes para com o look. 

Bem, claro que a Bruna é linda, tem corpão e a roupa caiu super bem nela, isso é visível por demais. Mas o X da questão é, sem querer ser puritano, já que eu ando com meus peitos siliconados de fora desde a tenra idade de 12 ânus, porque se vestir de forma tão madura logo cedo? Vontade de causar, de aparecer? Acho que sim. Até porque essa tem sido uma tendência geral das novinhas, onde estão trocando o conforto do tênis e da camiseta por saltos agulhas e decote até o umbigo...

Fotos: Reprodução/EGO


O que vocês acham? Estarei eu sendo conservador por demais ou elas estão amadurecendo mais rapidamente e estão podendo tudo?