RSSTwitter

quarta-feira, 22 de abril de 2009


Close: Linda Evangelista

Glamour, sofisticação, beleza, modernidade e luxo, tudo isso é traduzido em apenas um nome: LINDA EVANGELISTA. Das celébres e poderosas super modelos dos 80/90 ela foi e é, na minha opinião, a The Best! Pois essa mulher chega a ser um espanto no quesito camaleônico, pois fica bem com tudo que é cor e corte de cabelo, já a vi com cabelo até azul e a mulher ficou um arraso de digna e chique! Então no nosso Close de hoje saberemos um pouco mais da vida dessa camaleoa das passarelas.

Nascida em Saint Catharines, Ontário/Canadá a 10 de Maio de 1965 , Linda é oriunda de uma família operária de origem italiana e criada segundo a tradição católica.
Aos doze anos já sonhava em ser modelo, o que não demorou muito a começar a ser concretizado. Em 1988, com apenas treze anos, participou de um concurso de beleza para adolescentes e, apesar de não ter ganho, este funcionou como empurrão para a carreira que ambicionava. Um agente lá presente, à espreita de novos talentos ficou fascinado com a beleza de Linda Evangelista, verdadeiramente "enfeitiçado" com os seus olhos azuis-esverdeados. Mas a sua ascensão não foi fácil e só aos 18 anos deixou a agência de manequins em Toronto onde trabalhava para ingressar nas fileiras da poderosa Elite, o que a levou a mudar-se para os EUA, mais especificamente para Nova York. Como a carreira não progredia da forma pretendida mudou-se para Paris, à procura de melhor sorte. Linda teve, contudo, de esperar três anos, desde o ingresso na Elite, para dar outro salto significativo na carreira e só então assinou contrato com a revista Vogue. A partir daí tudo correu a um ritmo alucinante, permitindo à modelo canadense recuperar o tempo perdido. Apareceu nas capas de todas as revistas de moda internacionais e passou a integrar o grupo restrito de top models. Além de muito solicitada para desfilar nas passarelas, Linda Evangelista apareceu em campanhas publicitárias de companhias como a American Express, Calvin Klein, Chanel, Versace, Ralph Lauren, Dior, etc, tendo ainda assinado um contrato de longa duração com a Kenar. A modelo ganhou também fama por constantemente mudar a cor do seu cabelo, sempre cortado curto, algo que chegou a fazer 17 vezes no espaço de quatro anos.
Tal como outras modelos adquiriu o gosto por angariar fundos para ações de beneficência. A sua preferência vai para o apoio à pesquisa sobre cancer de mama, doença que afetou a sua mãe. Linda Evangelista, ao longo da sua carreira, criou fortes laços de amizade com outras top models e formou com Naomi Campbell e Christy Turlington a "Trindade". Esta associação das modelos chegou a assustar a indústria da moda com as suas exigências no início da década de 90. No final da década de 90 Linda retirou se das passarelas, após começar a sofrer de ataques de pânico em eventos sociais e nas suas imensas viagens de trabalho, quando se sentia rodeada por dezenas de pessoas.

Aos 36 anos de idade Linda Evangelista regressou á vida glamourosa que tinha deixado para trás e a 11 de Outubro de 2006, aos 41 deu à luz o seu primeiro filho Augustin James Evangelista. Com a volta das gloriosas tops dessa epóca, Linda segue atualmente fazendo campanhas e editoriais com sua eterna beleza.

Fotos: Reprodução

"Eu não saio da cama por menos de $10.000 por dia."
(Célebre frase dita por Linda Evangelista no auge de sua carreira).

Postado por: Alessandro Araújo

7 comentários:

Anônimo disse...

Ela parece uma boneca...essa aí não poderia ter recebido outro nome, tinha que ser LINDA mesmo;)

Kaira Doebber disse...

Pois é Li, impossível não dizer: LINDA!!!

Kwell disse...

Perfeita!!!

Kwell disse...

Gentem, vou convida-la para "nascer" nordestina e veremos se ela não levantará da cama por bemmmmmmmmmmmmmmmmmm
menos, né!!!!!! rsrsrsrsrsr
Bjuxx!!!

Cathwillows disse...

Essa aí entrou na fila para ser bonita umas 20 vezes!

Miss Lexotan 6mg (Lulu) disse...

Essa mulher é um looosho, linda, phyna, podre de chique!!!!

Mariana disse...

beleza diferente, mas ainda assim hipnotizante. quem dera ter tanta sorte com os cabelos que nem ela.

Postar um comentário

Apimente bem gostoso com o seu comentário, gostando ou não do que foi publicado, mas tente ao menos ser coerente e educado na opinião dada, visse? Eu não sou obrigado a escutar desaforos no meu espaço e te devolvo o baile com gosto de gás! rsrsrsrsrs