RSSTwitter

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011


Surfistinha

Se tem uma pessoa que tem cara de mulher de vida nada fácil, esse alguém é Raquel Pacheco, a Bruna Surfistinha, que emprestou suas experiências picantes para o filme homônimo recém estreado, e que traz Deborah Secco no papel título. Já Deborah estava lindinha, com vestidinho Burberry e uma trança fofa no cabelo, um look digno de "look do dia" - como disse uma pimentinha mais cedo - e fez a gente se perguntar porque na ficção tudo é tão mais bonito...


Mas o que achei dygno mesmo foi o comentário da moça sobre sua emoção e espectativa para ver o filme...

Imagens: reprodução

Pois é, cada coisa que a pessoa tem que engolir nessa vida fia...

25 comentários:

Ana Paula disse...

rsrrs, não creio no comentário rs. Amei o sapato da Deborah.

Anônimo disse...

Hahahahahahahahahahahahaha!
A pessoa pode sair dessa vida, mas a vida nunca vai sair da bixinha.... hahahahaa....

Anônimo disse...

Credo, essa mulher é muito feia, tem cara de kenga mesmo!

ronaldo disse...

Ta ai uma coisa que gostaria de entender que graça tem essa Bruna, Raquel, Zuleica, sei lá quantos nomes, não entendo como uma poota que rouba marido alheio sai de estrela, gente tem tanta historia linda pra virar filme, e vão conta historia de prostituta, essa ai tinha tudo pra ser alguem na vida, mais preferiu fazer o que estava no sangue e não tentem argumentar que foi por necessidade, definitivamente não concordo, ela teve muita sorte pq se roubasse meu marido ela não estaria nem andando muito menos com a mesma cara, gente desculpa mais a gente não precisa de gente assim na midia

Anônimo disse...

Acho que o filme pode válido para mostrar o lado negativo e levantar a atenção para problemas socias como prostituição, drogas e dinheiro desviado que político gasta em festa privê.

Além disso, vale pela atuação da Deby.

Ora, Cidade de Deus,Tropa de elite 1 e o maravilhoso Salve Geral são filmes que mostram um pouco da realiade e podem ajudar a refletirmos sobre os problemas no país.

Tudo pode ser aproveitado, basta filtrarmos o lado bom!

Anônimo disse...

Quem disse que ela roubou o marido alheio, e se a ex mulher fosse uma bruxa?

Este é o sonho de toda pt, sair da vida e encontrar o príncipe encantado como no contos de fadas. Que bom que ela agora está feliz.

Ju ;o) disse...

linda a atriz

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkk, muito louca ela, buuuut, feia de doer...ô capeta!

Nicole Leal disse...

Amei a trança de Déborah!!!! Lindíssima!!!

Michelle disse...

Anônimo, ela fez acontecer a separação. Li uma entrevista da ex que ela fazia questão de jogar cabelos no carro, de deixar objetos...de provocar mesmo. E tem muito homem que valoriza outras coisas na vida que não a familia, né?

Fora que ela (a ex) é uma boneca, tanto de beleza quanto de delicadeza.
É que ela não pôde jogar tudo para o alto e fazer a phina, pq tem que conviver com o traste do ex e com essa daí por causa das filhas...

ronaldo disse...

Continuo com minha opinião e acho que esse filme não demonstra problema social algum, pois ela entro na protituição não por necessidade e sim por safadeza, ja era bem capaz de saber o que queria e alem do mais eu vi umas entrevistas da mulher e fiquei com pena dela, ou seja ela não é heroina é so uma piranha

Anônimo disse...

Quando um não quer dois não f.... Se ela quer ser puta o problema é dela.

Anônimo disse...

Se alguém esta esperando que filme vai mostrar a prostituição como problema social, melhor nem assistir, pq pelos os comentários que já tenho lido, parece que não é foco do filme. Agora assiste quem quer, e tira suas próprias conclusões...

@priscillampc disse...

GENTE ELA TÁ A CARA DA RITA CADILLAC!!!

Cassiana disse...

A pose da surfistinha de corpo inteiro tah mais p/ fichacao na cadeia do que p/ lancamento de filme...a Deborah tah linda!

Will disse...

HSUADHAUSHDUAHSUDA' ri muito com o comentário...to curioso pra ver esse filme, já vi tanta coisa ruim, como Cidade de Deus, Tropa de Elite, Salve Geral, Signo da Cidade, e etc, que não me custa ver mais um...

Regiane Ivo disse...

Ela tem cara de perva mesmo! Rsrsrs
Dia 25 vou precisar ir no cinema com certeza.

disse...

O q acho o fim é homem pagar pra comer uma puta feia e gorda dessas. E nem venhma me falar q agora q ela tá assim, pq essa Bruna sempre foi tosca assim.
Qto a Deborah, não é a primeira vez q ela faz uma prostituta, aliás, ultimamente os papéis dela tem sido muito parecidos, o q é uma pena, pq acho a Deborah boa atriz. NA minha opnião ela entrou numa furada fazendo esse filme. MAs ela foi a única atriz conhecida q quis fazer.
Vai fazer sucesso? Lógico q vai! É como Tim Maia dizia:

"Aqui prostituta se apaixona e goza, cafetão tem ciúme, traficante se vicia...."

Ma disse...

Eu estava lendo os comentarios...Achei alguns brutos demais.Acho o cúmulo ficar crucificando ela,falando que ela roubou o marido de alguem.Ela era uma prostituta.O errado seria o homem,que traiu a mulher,e deixou.Não ela.Odeio essa sociedade machista.Ainda bem que ela deixava fios de cabelo no carro,ainda bem que ela fez tudo isso.Pelo menos assim,a ex mulher descobriu a traição do marido,que era o errado.Não a "Bruna".Ninguem sabe o que uma pessoa passa para cair em uma vida assim,nem todos tem instrução suficiente,e se a situação esta muito dificil...acaba pegando o caminho mais facil,mesmo.Acho muito fácil julgar sem estar na pele da pessoa.Acho sinceramente,a Rachel Pacheco uma batalhadora,que conseguiu sair de uma vida horrivel.E ela merecia mais respeito das pessoas,assim como todas as prostitutas.

disse...

Pelo visto vc não conhecem a história da Bruna Surfistinha, contada por ela mesma. Corta essa de sofrida, batalhadora, pq a garota veio de uma família super estruturada, com dinheiro, estudava em colégios particulares. Até tento entender quem vai pra esse caminho por falta de oportunidade, digo tento , pq como já ouvi e acho: limpar privada, acordar as 5 da matina, ser faxineira, não querem. Isso sim é ter dignidade e acho o fim qdo ouço prostitutas denegrirem essas mulheres batalhadoras de forma pejorativa, com desdem. Como se o que elas fizessem fosse muito bacana, muito lindo. Essa Bruna tenta de todas as formas glamurizar a profissão. Queria q ela contasse com qtos velhos, homens sujos, grossos ela se deitou. Pq povo, Richard Gere, só em filme.

Q fique claro, q não estou falando de crianças/meninas q são aliciadas pequenas e nem de meninas/mulheres q moram e q vivem na pobreza mesmo,sem água, sem recursos minimos. Esses são outros casos.
Ela não quer ser julgada? Querida da próxima não escreva um livro. Pq quem sai na chuva...

Denise disse...

Concordo plenamente com a Rê, quem fala de batalhadora, ao meu ver, acho que tem uma noção muito errada de dignidade.
E quem põe a cara a tapa e coloca uma frase tosca dessa no twitter, tem mesmo que servir de exemplo do que NÃO ser na vida.

Anônimo disse...

DETESTEI A TRANÇA, E A BRUNA MAIOR CARA DE CAVALO!

Falo Mermo! disse...

cara de p..., isso sim!!!

Kaira disse...

Rê, assino embaixo!
Bjs!!!

Drica disse...

Hum, desde quando marido de alguém é roubado, até onde eu sei, quem ia atras da Mulher eram eles e não vice versa, ela fez da fama dela o seu ganha pão e isso por que os tais homens roubados a fizeram ter tal status, então fala sério ao falar que a mulher roubava marido alheio, mente atrasada e se realmente só quisessemos ver filminhos bonitos de princesa e principe, o filme tropa de elite não teria feito tanto sucesso assim não acham.

Postar um comentário

Apimente bem gostoso com o seu comentário, gostando ou não do que foi publicado, mas tente ao menos ser coerente e educado na opinião dada, visse? Eu não sou obrigado a escutar desaforos no meu espaço e te devolvo o baile com gosto de gás! rsrsrsrsrs