RSSTwitter

quarta-feira, 7 de novembro de 2012


Lady Gaga: A Crônica de um Flop Anunciado

A cantora Lady Gaga já se encontra no Brasil para cumprir sua agenda de shows no Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre. Ela desembarcou hoje em um jatinho particular no Aeroporto Internacional do Galeão com um modelito  bem Gaga de ser. Catem:



Mas o motivo do post nem foi para mostrar sua chegada ao nosso país, como vocês bem devem ter percebido no título. O que quero é opinar sobre os motivos pelos quais os seus shows estão sendo anunciados como um fracasso de público, já que os veículos de comunicação há dias que publicam que a procura de ingressos em toda a América Latina não tem se resultado em nem metade do que foi posto à venda. 


Como assim? Perguntam as pessoas que ainda acham ser Lady Gaga o maior fenômeno pop atual. Bem, vou dizer que, antes de tudo, acho que o maior erro é a pretensão de uma cantora relativamente novata em querer lotar estádios mundo a fora com um show cheio de aparatos gigantes, onde o ingresso sairá relativamente caro por conta justamente disso. Se bem recordarmos outras cantoras pop de sucesso como Rihanna, Katy Perry, Britney Spears e até mesmo uma já consagrada Kylie Minogue, não peitaram em fazer um primeiro show em nosso país com essa estrutura toda, preferindo se apresentar em locais menores ou em festivais badalados com lotação certeira. Pois é um grande risco a correr caso você se ache capaz de sozinha lotar um imenso estádio só por conta de uns 8 hits lançados.

 


Ok! Sei bem que tem um monte de bandinhas adolescentes por aí que lotam muito os locais, mas nunca com uma megaprodução que encareça o passe, né? Afinal, grande parte dos “little monsters” são formados por adolescentes que dependem ainda daquela mesadinha amiga dos pais. E esses mesmos nem sempre irão abrir mão de mais que 01 salário mínimo só para seus filhos assistirem “aquela cantora bizarra”, como dizem. 


Não estou querendo mostrar aqui que ela seja uma má cantora ou que não goste dela, pelo contrário. Acho Gaga uma das mais talentosas artistas do pop atual, sabendo compor e cantar direitinho. Mas ela precisa se focar mais em seu som e dar um tempo em ficar se pretendendo tanto como “the best”, pois não tem como deixar de compará-la (sorry, mas é inevitável) com Madonna, que tem 30 anos de carreira e uma legião de súditos ao redor do planeta. Súditos esses que já são estabelecidos financeiramente na vida e que pagam o que for para prestigiar sua rainha. 

Aliás, menos eu que, apesar de ter prometido amá-la e honrá-la por toda a vida, não vou nunquinha desembolsar uma fortuna que nem tenho só para dar duas horas de pinta num show. rsrsrsrss 


Sei que mesmo que o show da titia não esteja também sendo esse sucesso todo de vendas, ao menos tem conseguido atingir números bem altos do que os da Gaga que, segundo contam, conseguiu até agora ter muito menos que a metade dos ingressos adquiridos pelo público brasileiro nos 3 shows.


Isso prova para mim que ela tá necessitando dar uma parada e repensar a carreira, que não tem caminhado assim tando como o esperado de quando estourou. Devendo deixar de pautá-la em cima das estranhezas visuais e com isso esquecendo de fabricar mais música para batermos cabelo.

Quer ser a sucessora da rainha? Então comece a vê-la realmente como exemplo, não a imitando, tendo menos “mimimi” e “achismos”. Saiba também tirar sarro de si própria e dos outros ao seu redor, parando de bancar sempre a coitadinha, visse? 

 

E volte mais do que "correndinho" aos bons tempos de “Just Dance”, “Paparazzi”, “Telephone” e “Bad Romance”, que foi onde você estava maravilhosa e estacionou por pura pretensão...
 
Fotos: Reprodução



You're not her...

33 comentários: