RSSTwitter

terça-feira, 26 de novembro de 2013


Folhinha

Vocês já escolheram a folhinha onde irão marcar as datas importantes (encontro com os machos e feriados pra beber até o koo fazer bico) no ano vindouro? Pois eu já, visse? Já que 2014 parece que será um ano bastante molhadinhooo...



As deliciosas imagens acima fazem parte do "Calendário Ortodoxo 2014" (você pode adquirir o seu no site oficial!) um projeto beneficente, do qual já falei ano passado aqui, que tem um forte apelo homoerótico e que na sua atual edição celebra o casamento gay com o lema "Amor é amor - Ortodoxo ou não!"


Fotos e Vídeo: Divulgação


 
E vamos amar muito! Porque pecado maior é não se permitir, não é?

32 comentários:

Anônimo disse...

Nada contra a causa, mas ficou de muito mau gosto!

Anônimo disse...

Q forçação de barra, sob a justificativa de que é beneficente, tudo pode. Nada contra os bofes.

Anônimo disse...

kkkkkkkkk

só tem gente que diz que "não tem nada contra, mas..."

hipócritas

pior ainda, hipócritas e puritanos:

só pq mexe com a simbologia da igreja católica, esse povinho fica aí se doendo. Mas no final de semana, enche a cara e desce até o chão.

Anônimo disse...

lindos, maravilhosos e gostosos. Próxima encarnação eu venho homem e gay.

Pois os héteros bons estão com fila na porta e só sobraram os sebosos e os ignorantes, que estão se achando por cima da carne seca e bombada das periguetes.

o mundo hétero está cada dia mais cruel.

Anônimo disse...

NÃO É IGREJA CATÓLICA IGNORANTE! É ORTODOXA! VAI APRENDER A LER E SE INFORMAR!

Anônimo disse...

Horrível,bizarro, falta de respeito... sem palavras, fiquei com nojo.

Anônimo disse...

Pra apoiar a causa gay ou ser simpatizante dessa "causa" não precisava descer num nível tão baixo e apelar tanto. Respeito e limite é bem vindo sempre.

Anônimo disse...

Achei péssimo! Homens bonitos em um contexto de mal gosto, mas não sei como ainda me surpreendo. Depois querem o respeito da sociedade sendo que adoram afrontar. E não, não sou ortodoxa.

Anônimo disse...

mau gosto, antes que venham me corrigir

Alessandro disse...

Gente, desculpa falar, mas vocês estão vendo alguém transando nas fotos? Como falei no texto esse calendário tem forte apelo sexual, mas não tem nada explícito aí pra sentir nojo, etc. Afinal, Madonna já fez/faz diversas coisas colocando a religião + sexo em seus trabalhos e de forma bastante sensual, mas nunca a vi sendo taxada de nojenta. Não seria isso um preconceito de vocêssó por serem gays nas imagens ou mesmo não famosos?

Alessandro disse...

Outra coisa, só quem tem direito de afrontar/polemizar são os héteros? Ah, me poupem, né? tem que respeitar sim, por gay ser igual a qualquer um! não é "querer" respeito, é dever as pessoas se respeitarem, independente de sexualidade! É cada uma

Anônimo disse...

Fico muito triste com esse tipo de campanha. Quer ser respeitado, respeite primeiro.
Como posso ser respeitado se agrido a religião dos outros, se me mostro vulgar, mal educado, promíscuo.
Como vou ser aceitado na sociedade, como meu casamento vai ser aceito, como vou adotar crianças, se essa é a imagem que passo.
Não somos respeitados porque nós mesmos não nos respeitamos.

Lelli'Be disse...

Que triste esse tipo de campanha. Respeito em primeiro lugar !!!

Anônimo disse...

Alessandro,

Fique sabendo que a Madonna foi muito criticada quando simulou masturbação no palco com uma cruz, e quando simulou um confessionário na turnê Blond Ambicion. Mesmo ela sendo famosa e hétero, o que ela fez na época foi de muito mau gosto, e a resposta do público foi negativa. E eu também achei de mau gosto, apesar de ser super fã da Madonna. Pare de rotular todo mundo como preconceituoso. Só estamos dando nossa opinião sobre o assunto, sem sexismo!

Anônimo disse...

SE UTILIZASSEM SÍMBOLOS DO ISLAMISMO, OS CARAS JÁ AMANHECERIAM COM UMA BOMBA DENTRO DO CARRO! Com a religião dos outros não se brinca!

Anônimo disse...

ortodoxo, católico, evangélico...

tudo tem base no cristianismo.

ignorante é vc, além de preconceituoso e mal educado (a).

e babaca mal amado (a), pelo visto.

Anônimo disse...

Fossem mulheres, se fossem símbolos muçulmanos, evangélicos, não importa, afronta a religiosidade das pessoas, é falta de respeito.

Anônimo disse...

Tudo é permitido mas nem tudo convém. Não tem nada deboas quando falta com o respeito com símbolos sacros das religiões. Menos né, bees..bem menos!

Anônimo disse...

Porque pessoas religosas sempre acham que sexo é pecaminso de alguma forma? Isso é tão idade média!
Eu entenderia se tivesse ficado apelativo demais, mas nem ficou e tem gente enchendo saco só por causa de simbologia reliosa. Desapeguem dessas coisas, gente. Religião é o que vc sente e acredita e símbolos são apenas símbolos, não querem dizer nada, e sexo é apenas sexo, também não tem nada demais. Que saco essas polêmicas moralistas sem sentido!

Anônimo disse...

O problema desse tipo de fotos é q os carinhas sempre trem um jeitinho tão afeminado.... q dá sono.

Anônimo disse...

Mexer com qq religião é o fim. É escroto, nojento e não ajuda em nada.
E é só pesquisar q vc Alesandro, verá q a maioria q já fez isso foi duramente criticado, como bem citaram Madonna, q foi um rebu tão grande q até a Pepsi entrou no meio e saiu metralhada, como foi com aquele pastor evangélico q chutou uma santa na tv.....e por aí vai.
Nem vem vitimizar e querer nas entrelinhas passar a informação q as pessoas só foram contra pq a campanha é gay!
me diz no q essa campanha ajuda a causa gay? Visibilidade??? mesmo q extremamente negativa? Aliás esse ano foi um retrocesso, e nem precisou de Felicianos pra isso, alguns movimentos gays se sujaram sozinhos, indo em passeatas nus, enfiando crucifixo no ânus, vagina, com esse tipo de campanha. Quem em sã consciência vai achar isso bacana. Ou melhor onde isso é produtivo?

Anônimo disse...

Cristo viveu na idade antiga e deve ficar na antiguidade então? Não é porque vivemos em tempos modernos que ele deixa de ser Cristo, que pode-se desrespeitar o que remete à sua figura. Esse é o problema dos sem religião, não tem conhecimento sobre os ensinamentos de Deus e acham que a moral não serve pra nada. Como aqueles indivíduos que foram fazer protesto na JMV como citou o anônimo acima. Os corretos eram eles então? E quem disse que sexo é pecado meodeuss..vai estudar o catecismo, a bíblia, a palavra de Deus ou qualquer estudo bíblico que seja. Nenhum religioso com o mínimo de conhecimento bíblico vai te falar o contrário. Sexo nunca foi pecado, prazer nunca foi pecado e é muito abençoado, tanto que dele gera a vida. A questão do pecado é a circusntância pois deve ser praticado pelo casal dentro do matrimônio. Mas isso as escolas não ensinam né, só pode cartilha depravatória que ensina e estiimula masturbação em crianças de 7 anos, fora outras perticularidades que prefiro nem citar.

Anônimo disse...

*JMJ

Anônimo disse...

COMENTÁRIO PERFEITO:

"Porque pessoas religosas sempre acham que sexo é pecaminso de alguma forma? Isso é tão idade média!
Eu entenderia se tivesse ficado apelativo demais, mas nem ficou e tem gente enchendo saco só por causa de simbologia reliosa. Desapeguem dessas coisas, gente. Religião é o que vc sente e acredita e símbolos são apenas símbolos, não querem dizer nada, e sexo é apenas sexo, também não tem nada demais. Que saco essas polêmicas moralistas sem sentido!"

O QUE EU PENSO É ISSO AÍ!

Anônimo disse...

Desculpa mas mais apelativo q isso, só se fosse sexo explicito e óbvio q eles não fariam um calendário assim, afinal não lucrariam pq a exposição e divulgação seria muito mais restrita. Só por isso.
E defina o q é apelativo? Não é apelativo pra um ou outro como podemos ver nos comentários, mas pra maioria é. Nem tudo q não seja extremamente explicito não é apelativo.

Anônimo disse...

Símbolos são símbolos? Então tá. Se uma foto da sua mãe, seu pai ou sei lá quem é importantye para você é usada e exposta de maneira desrespeitosa tá tudo bem? Nem precisa se ofender com a simbologia, o contexto pq né, só um símbolo que não te remete a ninguém de valor.

Anônimo disse...

Acho frescura. É aquela velha mentalidade de sexo é uma coisa impura diante das "coisas de Deus",sendo que na verdade não tem nada demais ali, só simbolos abstratos que são considerados sagrados e considerados acima do bem e do mal e não podem se misturar com coisas mundanas, pq tudo que faz parte do nosso mundo é podre blah, blah,blah.
Pra mim apelativo e imoral é violência, intolerancia, coisas que provocam sofrimento no outro, o resto é história.

Anônimo disse...

Cada um dá valor ao que lhe convém...enquanto uns defendem cultura religiosa outros a cultura gay. As coisas de Deus não valem nada neste mundo mesmo. Ainda bem que este mundo tem fim e no céu pornografia não tem valor.

Anônimo disse...

Pq as coisas n podem viver em harmonia? Pensem: quem defende esse tipo de campanha fala que quem achou de mau gosto eh hipócrita , preso a religioes, etc...
Mas e se fosse o contrário! E se mostrasse religiosos em situações que denigrem os gays? Ué, quem é homofóbico acharia a campanha linda, o que é tão absurdo quanto colocar caras sensualizando com coisas religiosas..
Para que polemizar? Vamos respeitar o próximo e viver em harmonia gente!

Anônimo disse...

Exatamente, eu não vejo nada demais no fato dos caras estarem sensualizando perto de coisas religiosas, esse tipo de polêmica é tão fútil! O sexo em si e a religião em si não tem nada demais, não ten nada de negativo, é a forma como as pessoas exploram essas coisas, as concepções e preconceitos criados em cima dessas coisas é que são os problemas.

Anônimo disse...

Muito gay esse ensaio!

em-cima-do-muro disse...

É COMPLICADO, NÉ?!

Postar um comentário

Apimente bem gostoso com o seu comentário, gostando ou não do que foi publicado, mas tente ao menos ser coerente e educado na opinião dada, visse? Eu não sou obrigado a escutar desaforos no meu espaço e te devolvo o baile com gosto de gás! rsrsrsrsrs

Vem comemorar a semana do Dia Internacional da Mulher
Caso não esteja visualizando as imagens,acesse aqui
 
 
Duloren
Lançamentos Sutiãs Calcinhas Modeladores Diva Plus Size Cuecas
Frete Grátis
Dia internacional da mulher
Aproveite
Chat Online
Central de Atendimento:
Para realizar qualquer troca de produtos, seja por causa do modelo, tamanho ou cor, não há custo adicional para a 1ª troca e a Duloren oferece um prazo de 30 dias após o recebimento do produto. Caso a nova peça seja de uma referência diferente da peça devolvida, será gerado um crédito no valor do produto a ser trocado para a realização de uma nova compra. Para saber mais, acesse Política de Troca ou Devolução.
Custo e Prazo de Entrega:
O frete é grátis para qualquer lugar do Brasil em compras acima de R$ 120,00. 
Depois que o pagamento estiver confirmado, o envio do(s) produto(s) ocorrerá o quanto antes, mas o prazo depende de sua localidade. Para saber mais, acesse Entrega e Frete
Formas de Pagamento:
As compras podem ser feitas em até 5 vezes sem juros em todos os cartões, com parcela mínima de R$ 30,00.
Trabalhamos também com outras formas de pagamento, como débito, boleto bancário e PayPal.

Sobre a Duloren:

A Duloren, líder de mercado em moda íntima no Brasil, fundada há 53 anos, tem um forte e consistente DNA que está baseado na produção de tecidos altamente tecnológicos com desenhos, rendas e elásticos exclusivos, acrescentado à tinturaria própria e à fabricação dos seus insumos. Para atender as mais diversificadas solicitações do mercado consumidor, a Duloren produz e comercializa hoje as marcas Duloren e Femmina.

Com capital 100%% nacional, produz cerca de 1,2 milhão de peças por mês. A Duloren orgulha-se de ser inovadora e estar na vanguarda da estratégia de mercado. Através de avançados planos de marketing, a empresa é reconhecida como pioneira da moda íntima, lançando coleções simultaneamente

Atenção:  

Preços e condições válidas somente para este e-mail, em compras na loja online da Duloren.
Promoção válida até 08/03/2017.As condições podem se alterar após o envio dessa mensagem.
Confira todas as informações sobre produto, preço, tamanho e cor antes de concluir a compra.
Os descontos são válidos durante o período de divulgação e dependem da disponibilidade de estoque.