RSSTwitter

terça-feira, 25 de março de 2014


Uma série para (quase) desistir: LOOKING

Quando foi anunciado que a HBO iria produzir uma nova série com a a homossexualidade como tema, eu super sambei no Louboutin! Afinal, o canal é um dos que tem a produção ímpar quando se trata de produtos televisivos. E séries como TRUE BLOOD, GAME OF THRONES, SEX AND THE CITY (In Memoriam ☹), GIRLS e outras mais, são ótimos exemplos de como eles investem bem o dinheiro nos roteiros em que acreditam. Então, era certeza de que LOOKING seria meu novo vício. Ledo engano...


Nuca curti muito escrever sobre séries que ainda estivesse em seu início, como muitos sites e blogs fazem por aí, pois acho meio sem sentido dizer que tal série é boa ou ruim se ao menos ter passado uma boa parte dos episódios. Até tive vontade de fazer um post no final do ano passado sobre as novas séries que estrearam no período, tendo assistido os 2 primeiros episódios de cada uma elas, mas desisti ao constatar que seria inválida a minha análise com tão pouco material visto. Daí quis ter realmente mais tempo antes de falar sobre LOOKING, que estreou em janeiro desse ano, mas adivinhem? Mesmo após o término da curta primeira temporada da série, só foram exibidos 8 episódios, continuo ainda não tendo uma opinião concreta se gostei do que vi ou não...



O grande problema de LOOKING, ao meu ver, consiste em focar sua trama na vidinha super rotineira de 3 personagens gays nada cativantes e sem grandes conflitos, moradores da cidade gay-friendly de São Francisco. Patrick, personagem vivido por Jonathan Groff (GLEE), é o mocinho lindo e confuso, que vive a procura do príncipe encantado, meio sem saber escolher direito. Augustin vai morar com o namorado, mas quer que o relacionamento seja sexualmente aberto. Porém, ele e seu parceiro parecem sofrer de ressaca moral, pois ficam se questionando se deveriam fazer esse tipo de coisa, sempre após rolar uma sessão a três. Já Dom é o clichêzaço do gay maduro que não aceita a idade que tem. Procurando envolver-se, praticamente, apenas com garotos mais novos e tendo uma vida profissional trabalhada na pasmaceira, já que há anos é garçom de um mesmo restaurante. 
 


Descrevendo assim a gente até acha que a coisa não pode ser tão mal, né? Mas o chato de LOOKING é que nenhum desses problemas possuem grandes dramas! Tudo é mostrado de forma cor-de-rosa demais, sem preocupação demais e com zero pretensão a fazer militância. Mais parece uma série que foi criada para mostrar para a sociedade que os gays conseguem seguir um padrão “heterossexualizado” de vida, sabe? Se existem gays certinhos assim na vida real? E como tem! Acho até que sou um deles. Agora se vale a pena assistir algo assim tão romance água com açúcar? Eu já não tenho tanta certeza... Até porque de imediato traçamos um parâmetro entre LOOKING e a saudosa QUEER AS FOLK, série onde havia uma abrangência bem maior do estilo de vida gay e que não pedia desculpas em mostrar de forma mais crua a realidade da vida de seus personagens.


Os gays de LOOKING são apáticos e limpinhos demais, no sentido de se mostrarem como personagens assexuados de novela das 6, e também por estarem apenas preocupados com seus próprios umbigos. Algo deveras pecaminoso numa realidade atual onde ainda existe tanto o que se batalhar nessa causa: homofobia, união civil, violência, etc.


Resumindo, a série não vem a ser a pior coisa do mundo, mas é decepcionante por não ousar, não se atrever, não sair do ponto morno constante, parecendo mais um coito interrompido, pois quando pensamos que irá acontecer algo de relevante na vida desses garotos nada levados, a coisa volta ao seu momento filosófico da adolescente global MALHAÇÃO ou o episódio termina, sendo o tempo de exibição bem curto. O que vem a ser mais outro ponto contra, já que as curtas séries da HBO sempre tendem a ter episódios com duração de mais de 01 hora, como podemos comprovar nas que citei no início.


 E porque não desistir de LOOKING? Bem, o fato é que o público assistiu essa primeira temporada e deve ter aprovado sua temática, já que uma segunda foi confirmada, não sendo isso algo assim tão positivo, pois grande parte desse mesmo público tem reclamado mundo afora justamente por esperar mais do que se mostrou em cena. Mas o fato é que a premissa é boa e o elenco também, só basta tirar esse tom cor-de-rosa da série que tudo ficará bem. Então, é torcer para ver se com as reclamações os seus criadores acordem pra vida e façam algo mais digno de se assistir. #oremosemglitter


Vídeo: Youtube

14 comentários:

Ver Online

Vem correndo aproveitar!

{[Optout-topo|1598]}
The Beauty Box
20161001_frete_exclusivoPerfumaria Cabelos Maquiagem Bazar
Frete grátis pro Sul e Sudeste nas compras acima de 99 reais. Confira condições.
Beauty outlet: com até 40 por cento de desconto! UAU, vem aproveitar!
Dr. Jones com 24 por cento de desconto! Gel Redutor Abdominal Abdoburn com 200 mililitros de 128 reais e 90 centavos por 97 reais ou em 6 vezes sem juros de 16 reais e 16 centavos. Lee Stafford com 40 por cento de desconto! Shampoo Frizz Off com 250 mililitros de 79 reais e 90 centavos por 47 reais e 90 centavos ou em 3 vezes sem juros de 15 reais e 96 centavos.
Bourjois com 21 por cento de desconto! Máscara para cílios Twist Up The Volume Noir waterproof de 79 reais e 90 centavos por 63 reais ou em 4 vezes sem juros de 15 reais e 75 centavos. K.Pro com 19 por cento de desconto! Protetor térmico K.pro Straight Hair Creme com 150 gramas de 54 reais e 90 centavos por 44 reais ou em 2 vezes sem juros de 22 reais.
Antecipe seu Natal: desconto progressivo pra deixar a arvore cheia de presentes. Compre 2 itens e ganhe 10 por cento de desconto. Compre 3 itens e ganhe 15 por cento de desconto. Compre 4 itens ou mais e ganhe 20 por cento de desconto.
Frete grátis nas compras acima de 99 reais. Até 12 vezes sem juros com parcela mínima de 15 reais.
Troca e devolução sem complicação. Descubra a loja mais próxima.
Siga a Beauty no Facebook, Youtube e Instagram.
Facebook Youtube Instagram
*Promoção válida no dia 04 de dezembro de 2016, ou enquanto durarem os estoques.

www.thebeautybox.com.br - Imagens meramente ilustrativas.

Central de Atendimento: Telefone: 0800-729-9070
Horário de Atendimento: Segunda a Sexta das 08h às 20h

E-mail   |    Chat   |    Dúvidas   |    Política de privacidade

The Beauty Box - Interbelle Comércio de produtos de beleza ltda, Rua Isaias Regis de Miranda, 413,
Vila Hauer, Curitiba, PR, CEP 81630-050, CNPJ/MF 11.137.051/0197.90


Não quer mais receber nossas novidades? {[Optout|1597]}