RSSTwitter

terça-feira, 15 de julho de 2014


Terror em série

Quando eu era criança, lá pelos idos anos de mil novecentos e lá vai o trem, sempre tive verdadeiro pavor de filmes de horror!!!! Tanto é que até nos comerciais desses filmes que passavam na TV eu tinha que olhar para o outro lado, pois me cagava de medo mesmo! Aliás, isso é força de expressão, tá? Já que na verdade eu acabava era mijando na cama por conta desse medo e não cagando...

Mas bem, os anos se passaram e o de cá continua tão medroso quanto antes, pois, ainda hoje, não consigo assistir determinadas tramas de terror. Tipo, eu não vejo, de maneira alguma, filmes que tenham espíritos. E se for baseado em fatos reais, pior ainda! Já cheguei a passar 01 semana inteira só cochilando quando o dia amanhecia e indo trabalhar com olheiras imensas, só por conta de ter ido ao cinema assistir ao coreano “Espíritos”. Já pensou no inferno que foi a minha vida nesses dias?

Apesar desse medo extremo, ultimamente tenho me dedicado em acompanhar séries apavorantes, cujo esmero caprichado na produção ficam léguas de distância dos filmes "B" tão comuns no gênero. Tudo começou com “The Walking Dead”, passou por “American Horror Story” e desembocou em duas novas séries que estão sendo meu xodó atual: Salem e Penny Dreadful.


Salem se passa em Massachusetts no século XVII e acompanha a história de Mary Sibley, uma bela jovem casada com um rico membro do conselho da cidade, e que deixou uma antiga paixão para trás quando John Alden partiu para a guerra. John retorna agora, dez anos depois, para Salem, e encontra uma cidade mergulhada em uma louca caça às bruxas, com mulheres queimadas e enforcadas ao primeiro sinal de possessão demoníaca. Tendo Mary se transformado em uma das bruxas mais poderosa do pedaço


Vídeo: WGN




Já "Penny Dreadful" é uma série de terror com toques sobrenaturais que se passa na cidade de Londres na época vitoriana. A história conta com personagens clássicos da literatura mundial de terror, tais como Frankenstein, Conde Drácula e Dorian Gray, onde suas já conhecidas histórias se misturam à narrativa original dos protagonistas, tendo uma abordagem psicossexual dessa trama de monstros, criaturas e demônios. A série é estrelada por como atores Josh Hartnett ( que aparece peladinho em muitas cenas! #xanaemchamas ) e Eva Green, contando ainda com o diretor de cinema Sam Mendes ( "Beleza Americana", "007 - Operação Skyfall" ) como produtor executivo da atração. 


Vídeo: Showtime

13 comentários:

Isabela Fernandes de Oliveira Lôbo disse...

Adoroooo séries e filmes de terror!!! Em qual canal consigo assitir essas séries?? Bjim... #lovepimentanoteu

Alessandro disse...

Isabela Fernandes de Oliveira Lôbo, Penny Dreadful passa na HBO e Salem acho que ainda não passa aqui no Brasil

Anônimo disse...

Penny Dreadful maravilhosa! A Gabriella Pescucci que faz os figurinos é um arraso! Mas, claro, o resto da série tb vale muito, em especial a atuação da Eva Green.

Anônimo disse...

Penny é sensacional!! Salem eu curti no comecinho, depois me desmotivei, sei lá pq, achei q ficou meio arrastada, ou é meio que a falta de carisma dos atores mesmo, o q Penny dá um banho!

Jogos Vorazes disse...

Engraçado q muitas pessoas naum assistem esses filmes pq tem medo e naum gostam de admitir. Tenho uma tia q até gosta mas naum assiste sozinha de jeito nenhum, sempre me convida pra assistir com ela pois eu adoro esse gênero. Uma dica comece com os clássicos do Argento ou Romero, o cinema atual glamoriza demais a violência o q é algo q me deixa enojada. A Penny eu comecei a assistir agora e achei uma serie bem elegante nos moldes da Hammer espero q continue assim. O Del Toro tbm produziu uma serie muito boa chamada The Strain, alias do cinema atual ele é quem define melhor o gênero. Vou conferir Salem, parece bem interessante.

andpizzazz.com disse...

Huuum, parecem otimas! Principalmente a segunda! Eu espero o netflix porem, e olha la. Tenho uma preguica homerica de baixar e ver tv na italia e impossivel, eles dublam TUDO em italiano fica ridiculo.

Bjs!
Mari

Kelli disse...

Ahhh Salem é muito bom! Estou assistindo e a série é muito boa mesmo!

Elaine disse...

Pra quem não liga de ver legendado é só assistir nos sites megafilmeshd.net ou no www.filmesonline.net . Tem as duas séries lá e várias outras tbm, até as mais antigas.

Anônimo disse...

Eu assisti o piloto de Salem e pra mim foi muito trash! Achei um lixo mesmo, não curto esse estilo.

Anônimo disse...

Eu vi Salem até o episódio 4, 5 e achei bem tosca tbém. Bem como falaram, a falta de carisma dos personagens principais acaba com a série.

Anônimo disse...

Salem tem cara de que vai ser cancelada logo. Geralmente eu tenho uma boa intuição pra essas coisas. Tipo The secret circle, era outra porcaria sobre bruxas, quando eu assisti eu sabia que não iria durar muito. Os personagens não tinham carisma nenhum tbm, atores ruins, cenário e roteiro ruins tbm. Penny Dreadful eu ainda não assisti.

Mara Marks disse...

Penny Dreadfull é ótima, pena que já acabou a primeira temporada e graças que foi renovada. Josh Hartnett tá gato, tá lindo, tá selvagem, tá lobisomem,tá dando o brioco, AMEIIIIIIIII!!!!
E Eva Green tá divina, tá possuída, tá malvada, tá de morte!!!! A beesha tá destruidora viu viado!!!
Ansiosa pela 2ª temporada

Alicia Jaramillo disse...

Uma série de suspense e terror que realmente vale a pena assistir. Você pode desfrutar de Penny Dreadfull em HBO , que está começando a cativar o público, uma nova proposta com os gostos de clássicos como Frankenstein e Drácula. Não perca a sua segunda temporada.

Postar um comentário

Apimente bem gostoso com o seu comentário, gostando ou não do que foi publicado, mas tente ao menos ser coerente e educado na opinião dada, visse? Eu não sou obrigado a escutar desaforos no meu espaço e te devolvo o baile com gosto de gás! rsrsrsrsrs

As melhores peças com os menores preços para você.
Caso não esteja visualizando as imagens,acesse aqui
 
 
Duloren
Lançamentos Sutiãs Calcinhas Modeladores Diva Plus Size OQNV
Frete Grátis
Meu guia de lingeries
Chat Online
Central de Atendimento:
Para realizar qualquer troca de produtos, seja por causa do modelo, tamanho ou cor, não há custo adicional para a 1ª troca e a Duloren oferece um prazo de 30 dias após o recebimento do produto. Caso a nova peça seja de uma referência diferente da peça devolvida, será gerado um crédito no valor do produto a ser trocado para a realização de uma nova compra. Para saber mais, acesse Política de Troca ou Devolução.
Custo e Prazo de Entrega:
O frete é grátis para qualquer lugar do Brasil em compras acima de R$ 120,00.
Depois que o pagamento estiver confirmado, o envio do(s) produto(s) ocorrerá o quanto antes, mas o prazo depende de sua localidade. Para saber mais, acesse Entrega e Frete.
Formas de Pagamento:
As compras podem ser feitas em até 5 vezes sem juros em todos os cartões, com parcela mínima de R$ 30,00.
Trabalhamos também com outras formas de pagamento, como débito, boleto bancário e PayPal.

Sobre a Duloren:

A Duloren, líder de mercado em moda íntima no Brasil, fundada há 53 anos, tem um forte e consistente DNA que está baseado na produção de tecidos altamente tecnológicos com desenhos, rendas e elásticos exclusivos, acrescentado à tinturaria própria e à fabricação dos seus insumos. Para atender as mais diversificadas solicitações do mercado consumidor, a Duloren produz e comercializa hoje as marcas Duloren e Femmina.

Com capital 100%% nacional, produz cerca de 1,2 milhão de peças por mês. A Duloren orgulha-se de ser inovadora e estar na vanguarda da estratégia de mercado. Através de avançados planos de marketing, a empresa é reconhecida como pioneira da moda íntima, lançando coleções simultaneamente

Atenção:
Preços e condições válidas para a loja online da Duloren. As condições podem se alterar após o envio dessa mensagem.
Confira todas as informações sobre produto, preço, tamanho e cor antes de concluir a compra.
Caso haja diferença nos preços entre este e-mail e a loja online da Duloren, a condição válida e praticada será a da loja online. Os descontos são válidos durante o período de divulgação e dependem da disponibilidade de estoque.